Pular para o conteúdo principal

Depressão pós parto na Irlanda

Olá pessoas,

Descobri recentemente que estou com depressão pós parto.


O primeiro passo foi sentir que precisava de ajuda.
Marquei GP e fui o mais sincera possível quanto ao que eu sentia.
Ela na hora me encaminhou para o psiquiatra do hospital onde moro. Ela inclusive ligou lá para conversar com o psiquiatra antes de eu ir.
Fui no psiquiatra e ele me medicou e deu remédio suficiente para uma semana.
Durante uma semana a enfermeira psiquiátrica todos os dias ou me ligava ou me visitava.



Pedi para ser encaminhada para uma psicóloga e em pouco tempo a psicóloga me ligou marcando um horário.
Tenho visto a psicóloga uma vez na semana. Durante as cinco primeiras semanas ela conversa para entender o que se passa. Meio que assessment para em seguida ela discutir o que vai ser tratado e o que nao for dentro do escopo dela, ela encaminha pra outros profissionais como terapeuta de família.
O remédio eu compro na farmácia com meu medical Card e pago somente a taxa de 4 euros, pois sao dois remédios.



Bem, é isso! Se alguém passar pelo mesmo saiba que tem ajuda.
Eu quando fui diagnosticada tinha uma filha de 3 anos e uma de 4 para 5 meses. Interessante saber que geralmente a depressão pos parto é detectada após de 4 a 6 meses do bebê nascer.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reconhecimento de nutricionista na Irlanda

Olá pessoas, Hoje recebi a notícia que finalmente sou considerada Dietitian na Irlanda. Aqui é diferente do Brasil. No Brasil ter um diploma de Bacharel em Nutrição bastaria para você atuar em qualquer area escolhida. Aqui na Irlanda para você ser considerada uma nutricionista cliclín tem requisitos. Eu estou tentando o reconhecimento desde que cheguei em 2014. Na época o reconhecimento era feito pelo Departamento de Saúde. Eu enviei uma caixa (sim! Uma caixa de documentos em português e traduzido). Dentre os documentos se encontravam meus diplomas: bacharelado em Nutrição, Especialização em Nutrição Clínica, Mestrado e Doutorado em Alimentos e Nutrição e TODAS as ementas de cada uma das matérias feitas de todos os cursos. Haja papel! Só o formulário dava mais se 20 páginas depois de preenchido. Além disso eu tive que ser entrevistada por uma banca de dietitians. Acha que basta???? NÃO! Depois de passar por tudo isso...o processo de reconhecimento MUDA e o orgao

Creche na Irlanda - é de graça?

Olá pessoas! Não paro de me desculpar pela ausência. Mas é bem difícil administrar casa, bebê, trabalho, e blog. Depois de meu baby nascer eu comecei a me interessar e mergulhar no mundo infantil da Irlanda. E um dos assuntos que tenho pesquisado é CRECHE. Quando eu engravidei eu trabalhava full time (tempo integral) e cada dia e semana eu trabalhava em horários diferentes. Ou seja, não tinha uma rotina! Como iria fazer com bebê em casa? Meu marido também trabalha full time e em horários "loucos". Confesso que fiquei desesperada! Afinal, só o salário do meu marido não pagaria todas as contas. Então comecei a procurar as creches mais perto de casa e fui visitá-las. Não tinha ideia do preço, nem de horário de funcionamento, nem das estruturas da creche e muito menos das atividades e peculiaridades. Tem muitas creches onde eu moro, mesmo sendo uma cidade pequena. Não é de se espantar, já que o que não falta nesta Irlanda é crianças!!!! Fiquei assustada co

Como não gastar muito no enxoval do bebê na Irlanda

Olá pessoas, Acredito não ter mencionado em post anterior, mas estamos esperando nossas segunda filha. Para ser exata essa semana estamos com 32 semanas. A cesaria esta agendada para dia 26 de setembro e até lá o enxoval tem que estar pronto não? Entao, como não gastar muito e deixar tudo pronto? Aqui na Irlanda mercado de produtos usados é bem forte. Tem coisas muito boas com preço muito em conta. E onde pode-se comprar produtos usados ou mesmo conseguir doacao? Adverts.ie Donedeal.ie Marketplace no Facebook Comunidades de mães brasileiras na Irlanda no Facebook Amigas Além de produtos usados há muitas coisas boas que são doadas e nesses mesmos canais onde se compra produtos usados. Além disso, converse com as amigas que tem filhos sobre o que você precisa. Muitas podem te doar, vender ou emprestar. Deixe eu exemplificar, eu queria muito nos primeiro meses dessa segunda bebê usar o berço que meio que se acopla na cama (no caso o berço se chama Nex