Pular para o conteúdo principal

Viagem a Paris com bebê



Olá pessoas.

Viajei pela primeira vez com minha baby  quando ela tinha 8 meses de idade. Fomos pra Paris! Gostaria de compartilhar com vocês a parte prática da logística de viajar Dublin - Paris com bebê!

Eu confesso que estressei muito antes da viagem, pois comprei passagem da Ryanair e somente depois da compra que eu vi que o aeroporto era quase 90 km longe da cidade de Paris (aeroporto de Beuvais - BVA).
O barato saiu caro, pois eu comprei as passagens com preço bom e tive que pagar o mesmo preço com o transporte até Paris.
Ou seja, era melhor ter gastado um pouco mais e ter comprado ticket da Air France, por exemplo.
A ida do aeroporto até Paris eu reservei pela net uma "van compartilhada porta-a-porta" da companhia Paris Shuttle Service.
O esquema deles é o seguinte: você reserva pela net e coloca os dados do seu cartão, mas somente como garantia. A corrida você paga em dinheiro pro motorista. Depois da reserva pela internet chega um email dentro de 24h confirmando a sua reserva. Esse email tem que ser imprimido e esse papel apresentado ao motorista.
Quanto saiu essa corrida? 56 euros (2 adultos) - baby free (desde que vá no seu colo).
Indica o serviço deles? Não! Vou listar as razões:
1.O motorista chegou umas 10:15 sendo que na minha reserva pedi para me pegarem as 9.30.
2. Não fornecem car seat.
3. Motorista fumando (era ecigarette) dentro da van.
4. Motorista toda hora falando no celular enquanto dirigia.
5. Motorista dirigiu como louco.

Na ida de Paris ao aeroporto de Beuvais usamos o Super Shuttle. Essa empresa rem guichê logo no desembarque ao lado do guichê de informações.
Preço? 76 euros.
Indica? Sim.
1. Fomos buscados no horário certinho.
2. Motorista liga assim que chega pra te pegar.
3. Fornecem car seat (porém pra crianças maiores).
4. Motorista dirige de forma segura.

Nossa! Mas só tem van pra ir pra Paris?
Não! Tem ônibus, que é mais barato. Mas ele não nos deixaria na frente do local onde ficamos. Teríamos que ir de taxi ou metro e lá ia mais uns 40 min a 1h com mala, carrinho, criança cansada que quer colo. Ou seja, 2h antes do voo no aeroporto + 1h e pouco de voo + 1h a 1h30min de ônibus + cerca de 1h no metro. Te digo: e.s.q.u.e.c.e!

Compensou levar o carrinho?
Mais ou menos! Foi bom somente pro aeroporto. Nem levei no metrô (andei nas linhas 5, 6, 8, 12, B). Sinceramente não sei como as pessoas fazem, pois tem vários trechos com escadarias grandes e os metros lotados e sem espaço pra carrinho dentro. Se puder leve um carrier/ sling que é melhor.

Metro é difícil de entender como funciona?
Não! Mas adianto que fomos pedir ajuda numa dos guichês de informação e os atendentes com uma má vontade. Eu fui perguntar e pedir ajuda unas 5 vezes (e eles vendo o bebê no meu colo se debatendo). Toda hora falavam pra comprarmos na "maquininha". Aí eu tinha que saber pra quais zonas de Paris eu queria. Zonas? Sei lá pra qual eu vou. Aí eu não achava opção de single ticket. Cada single sai 1.90 euros e o ticket pra usar o dia inteiro era em torno de 7.60 ou 7.90 euros. Eu não ia ficar o dia usando. Até que enchi tanto o saco da atendente que ela vendeu o ticket.

Fácil achar banheiro com trocador de fralda?
Não! Leve algo para colocar no chão ou na privada e poder trocar seu baby. No ônibus hop on hop off eu troquei ela no colo do meu marido. A situação é "se vira nos 30."

Devo levar um monte de comida de bebê?
Eu levei calculando o que normalmente ela come e colocando uma margem. Comprei somente papa pronta de 100g, já que no aeroporto pode levar liquido/pastoso de até 100ml. Não precisava ter me estressado em correr atràs de papa de até 100ml/g porque pra comidas/suquinhos/leitinhos pro bebê pode ser mais de 100 ml. Outra coisa, lá você acha comida de bebê em muitas opções...eu não precisava ter levado tanto.

O bebê tem direito à levar mala?
Sim! Uma mala de mão de até 5kg. O que fizemos foi levar 3 malas de mão (minha bolsa, marido levou mochila pequena nas costas e levamos ainda a bolsa da bebê com troca de fralda, troca de roupa, comidinha pra durante a viagem, copinho com àgua,  e 2 de cabine (cada adulto tem direito a 1 mala tamanho cabine).



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reconhecimento de nutricionista na Irlanda

Olá pessoas, Hoje recebi a notícia que finalmente sou considerada Dietitian na Irlanda. Aqui é diferente do Brasil. No Brasil ter um diploma de Bacharel em Nutrição bastaria para você atuar em qualquer area escolhida. Aqui na Irlanda para você ser considerada uma nutricionista cliclín tem requisitos. Eu estou tentando o reconhecimento desde que cheguei em 2014. Na época o reconhecimento era feito pelo Departamento de Saúde. Eu enviei uma caixa (sim! Uma caixa de documentos em português e traduzido). Dentre os documentos se encontravam meus diplomas: bacharelado em Nutrição, Especialização em Nutrição Clínica, Mestrado e Doutorado em Alimentos e Nutrição e TODAS as ementas de cada uma das matérias feitas de todos os cursos. Haja papel! Só o formulário dava mais se 20 páginas depois de preenchido. Além disso eu tive que ser entrevistada por uma banca de dietitians. Acha que basta???? NÃO! Depois de passar por tudo isso...o processo de reconhecimento MUDA e o orgao

Creche na Irlanda - é de graça?

Olá pessoas! Não paro de me desculpar pela ausência. Mas é bem difícil administrar casa, bebê, trabalho, e blog. Depois de meu baby nascer eu comecei a me interessar e mergulhar no mundo infantil da Irlanda. E um dos assuntos que tenho pesquisado é CRECHE. Quando eu engravidei eu trabalhava full time (tempo integral) e cada dia e semana eu trabalhava em horários diferentes. Ou seja, não tinha uma rotina! Como iria fazer com bebê em casa? Meu marido também trabalha full time e em horários "loucos". Confesso que fiquei desesperada! Afinal, só o salário do meu marido não pagaria todas as contas. Então comecei a procurar as creches mais perto de casa e fui visitá-las. Não tinha ideia do preço, nem de horário de funcionamento, nem das estruturas da creche e muito menos das atividades e peculiaridades. Tem muitas creches onde eu moro, mesmo sendo uma cidade pequena. Não é de se espantar, já que o que não falta nesta Irlanda é crianças!!!! Fiquei assustada co

Como não gastar muito no enxoval do bebê na Irlanda

Olá pessoas, Acredito não ter mencionado em post anterior, mas estamos esperando nossas segunda filha. Para ser exata essa semana estamos com 32 semanas. A cesaria esta agendada para dia 26 de setembro e até lá o enxoval tem que estar pronto não? Entao, como não gastar muito e deixar tudo pronto? Aqui na Irlanda mercado de produtos usados é bem forte. Tem coisas muito boas com preço muito em conta. E onde pode-se comprar produtos usados ou mesmo conseguir doacao? Adverts.ie Donedeal.ie Marketplace no Facebook Comunidades de mães brasileiras na Irlanda no Facebook Amigas Além de produtos usados há muitas coisas boas que são doadas e nesses mesmos canais onde se compra produtos usados. Além disso, converse com as amigas que tem filhos sobre o que você precisa. Muitas podem te doar, vender ou emprestar. Deixe eu exemplificar, eu queria muito nos primeiro meses dessa segunda bebê usar o berço que meio que se acopla na cama (no caso o berço se chama Nex