Pular para o conteúdo principal

Pé na estrada - Praga

Olá pessoas!

Como eu amo viajar!! Agora que resido no "meio" do mundo, como diz o marido, é mais fácil viajar.

Desde que eu cheguei em Dublin eu viajei bastante e quero viajar muito ainda.

Ano passado fui pra Glasgow (Escócia), Belfast (Irlanda do Norte) e viajei pela Irlanda (Limerick, Galway, Ennis, Wicklow, and so on).

Este ano coloquei o objetivo de conhecer mais três países. Quais? TODOS!

Não tinha o objetivo de compartilhar viagens neste blog, mas acho que seria interessante já que para viajar tem muito o que pesquisar antes: hostels, lugares para se conhecer (de preferência baratos, rs), comida típica para se experimentar, meio de transporte, etc.

Darei início a Saga "Viagens" com minha última viagem: Praga (República Tcheca).

Ficamos 3 para 4 dias em Praga e digo que foi suficiente se você aproveitar bem o dia.

Moeda do país:

A moeda do país é a Coroa Tcheca (CZK). Ver os preços em coroa Tcheca assusta por demais (não que seja caro, pelo contrário...as coisas não são caras lá...mas pelo número que você no preço..por exemplo você vê o valor de 100 CZK e acha muito "caro", mas na verdade é menos do que 4 euros). Lembre-se que (aproximadamente) 1 euro = 27 coroas tchecas.

Acomodação:

Nos acomodamos num Hostel que foi recomendado por uma pessoa que reside em Praga e considero um boa dica: Hostel Florenc.

Recomendo o Hostel Florenc porque:
- Limpo, quarto grande, banheiro muito bom
- Café da manhã incluso: vale muito a pena porque tem diferentes tipos de pão, queijos, geléia, presunto/embutidos, iogurte, granola, café, chá, suco, etc
- Fica 24 horas aberto
- Tem wifi livre
- Fácil de chegar: não fica longe do Metro, que se chama Florenc

Meio de transporte:

Metrô: 95% do tempo eu usei somente este meio de transporte e caminhei muito também. Muito fácil andar de metro. Tenha o mapa do metrô sempre em mãos que você vai pra "qualquer" lugar fácil (coloquei uma imagem do mapa abaixo e se você clicar nela irá ser direcionado para um link que permitirá fazer o download do mapa em pdf).
O metro de Praga tem somente 40 anos e praticamente foi construído pelos Russos. É bem interessante como às vezes parece um labirinto e como chega a ser tão profundo (cheguei a descer várias escadas rolantes até ter acesso a uma determinada linha e escada rolante bem ingrime e longa).

Entenda um pouco como funciona o metrô. Tem 3 linhas que eles sinalizam pela letra e cor:

Linha A (verde): "corta" de leste para oeste (da estação Depo Hostivar até Nemocnice Motol) e conta com 17 estações.

Linha B (amarela): "corta" de leste para oeste (da estação Cerný para Zlicín) e conta com 24 estações.

Linha C (vermelha): "corta" de norte a sul (da estação Letnany até Háje) e conta com 20 estações.

Para fazer baldeação de uma linha para outra use as seguintes estações:


  • Mustek: estação de intersecção entre as linhas A e B
  • Muzeum: estação de intersecção entre as linhas A e C
  • Florenc: estação de intersecção entre as linhas B e C


 Para fazer o dowload do mapa clique aqui

Ticket ValidatorTicket Vending Machine

Atenção: você notará que "ninguém" controla a entrada e a saída do metrô, mas tome cuidado. Compre o ticket em uma das máquinas ou no guichê e o valide. Se você somente comprar o ticket e NÃO validar e se for pego por um inspetor (que geralmente fazem inspeção surpresa) na "saída" do metrô o resultado será um pagamento de multa de 800 coroas tchecas (e tem que ser pago na hora). Então compre o ticket (você geralmente compra pelo tempo que irá fazer a viagem: 30 min ou 90 min) e o valide (é bem barato o transporte por metrô - 24 CZK para 30 min e 32 CZK para 90 min).



Tram ("bonde"): confesso que não precisei utilizar o Tram, mas pesquisei sobre e irei compartilhar com vocês. Tem 500 km de extensão e cobre uma ampla área de Praga, sendo utilizado por 300 milhões de pessoas por ano. Esse meio de transporte começa as 4.30 da manhã e termina meia noite em intervalos de 8 a 10 minutos (nos finais de semana é de 8 a 15 minutos). Tem trams (números 51 até 58) que funcionam de noite (das 0.30 até 4.30 da manhã) em intervalos de 40 minutos

Se quiser planejar o transporte por tram acesse: http://spojeni.dpp.cz/ConnForm.aspx?tt=PID&cl=E5

Tram 22


Se eu voltar pra Praga eu gostaria de passear em 2 trams: Tram 22 (que passa por rotas extraordinárias de Praga - Teatro Nacional, Belveder, Castelo de Praga e outros locais merecedores de serem vistos) e Tram 91 (que é um tram "histórico" que funciona a partir de abril até novembro e somente aos finais de semana e nos feriados do meio dia até 5.30 da tarde).



Ônibus: somente peguei ônibus em dois momentos: do aeroporto de Praga até a estação de metro e da estação de metrô até o aeroporto de Praga. Utilizei o Airport Express (AE) que liga o aeroporto até a estação principal de metro chamada de (Hlavní nádrazi). Assim que chegamos no aeroporto fui num guichê de informações que notei que tinha ticket para transporte e comprei meu ticket para ir com esse ônibus até a estação central. A parada para pegar o ônibus é somente alguns passos saindo do aeroporto e te deixa na "porta" da estação de metrô. Então a dica é antes de viajar para Praga saber como chegar no local de destino partindo dessa estação de metrô.
Para pegar o ônibus para o aeroporto é somente ir na estação principal de metrô e se direcionar à parada de ônibus que fica na parte "superior" do metrô e na calçada (veja a sinalização no próprio metro para saber o caminho a se tomar) - você compra o ticket direto com o motorista.
Claro que tem outros meios de se chegar no aeroporto (transporte público) e coloco abaixo um mapinha que mostra as alternativas para se chegar no aeroporto)



Locais para visitar:

Café Slavia (Slavia Kavarna): amei este café desde antes de ir lá. Li muito sobre esse café e era obrigatória uma parada nesse café nessa minha viagem. Esse estabelecimento é em frente ao Teatro Nacional e foi aberto em 1881, se tornando um local de encontro de intelectuais e artista, incluindo o presidente Václav Havel e o escritor Franz Kafka. O local é magnífico, o café é delicioso e recomendo sentar-se em uma mesa que dê vista ao lindíssimo rio.

Café Louvre: esse café fica muito próximo do Café Slavia e me apaixonei por ele antes de conhecê-lo também. É um café elegante, que foi aberto em 1902 e visitado por Franz Kafka, Karel Capek e Albert Einstein. Esse café pela sua característica "burguesa" foi fechado na época do comunismo e sua reabertura foi em 1992.

Coffee in the Garden: esse café fica bem no caminho para a subida para o Castelo de Praga. É um lugar pequeno, mas agradável. A vista é de tirar o fôlego. Tomamos um café gostoso e um bolo de massa folhada de lamber o prato. Sem contar que não era caro.





Comidas a se experimentar:

Sausage (linguiça): se você gosta de linguiça irá se deliciar em Praga. Eles tem muitas "barraquinhas" de rua que vendem linguiça.


Prosciutto di Praga (presunto): eles fazem essa carne de porco como se fosse churrasco. Fica assando assim em "céu aberto" e eles cortam na hora que você compra uma fatia/porção (geralmente 100g ou mais).


Smazený sýr: você encontra esse queijo frito nas "barraquinhas" de mercados de rua.
Fried Cheese from Czech Republic; This Czech recipe for fried cheese or syr smazeny is a popular street food and so easy to make. It can be eaten as an appetizer or a vegetarian main course with mashed potatoes and vegetables. Edam, Gouda or Swiss cheese work well.

Batata frita: você acha uma batata inteira em espiral no palito e também acha ela em chips no cone.
Prague Easter Market Street Food








Halusky: prato feito de batata, repolho e bacon.


Kolache: uma massa geralmente com cobertura de fruta ou uma massa de poppy seed (que olhando parece de chocolate...falo porque fui "seca" num doce que parecia de chocolate e era de poppy seed).

Annnd another!  These look just like how my mom made them!   Kolache - Czech Pastries Recipe | RecipeStudio

Trdelník: é uma "bolo" feito na hora e assado em rolos (o formato após assado parece com uma "chaminé" ou um "cano"). Depois é passado em alguma mistura de açúcar, baunilha e/ou amêndoas. Você pode escolher ainda o "recheio": nutella, etc.

Resultado de imagem para Trdelník

Lugares que visitei:

Castelo de Praga: esse lugar DEVE ser visitado. É lindo e é grátis! Reserve energia, pois você irá subir uma "ladeira". Haja escadaria!!! Mas vale muito a pena e a vista é extraordinária.

Rua Nerudova: rua em que viveram Franz Kafka e Jan Neruda. Eu achei uma rua bem interessante: note as simbologias que fica acima das portas das casas. Antigamente esses símbolos eram utilizados para "identificar" a casa, pois não tinha numeração. Além disso, o símbolo realmente representava algo: por exemplo - a casa que apresenta como símbolo 3 violinos originalmente era uma casa onde residia uma família que "fabricava" belos violinos.

Colina Petrin: um lugar lindo de caminhar e se aventurar. Vi mosteiros, casas, jardins, restaurantes, e uma vista linda.

Ponte Legli e pequena Ilha: essa ponte fica bem perto do café Slavia. Logo à sua esquerda e abaixo você notará uma ilha. É um lugar agradável para uma rápida caminhada e para sentar e apreciar a vista.

Mercado da rua Havélska: é um mercadinho que recomendo dar uma passada. Bem organizadinho e é um dos mercados "permanentes" de Praga. Lá você encontra de "tudo": flores, frutas e vegetais, arte, brinquedos, cerâmica, souvenirs. No caminho para o Relógio Astronômico eu passei neste mercado.



Easter Market: eu tive a sorte de "pegar" o Easter Market (21.março - 11.abril) e foi bem legal. Se você for em época de páscoa como eu e quiser saber mais sobre esse mercado entre no site do Easter Market.

Relógio Astronômico: construído em 1410, sendo o terceiro relógio de seu tipo no mundo. No século XVII as estátuas móveis (dos apóstolos) foram adicionadas. Esse relógio sofreu danos na Segunda Guerra, mas ele foi restaurado. Se não me engano o "show" acontece a cada hora fechada. É bem rápido, mas não tem como você ir para Praga e NÃO ver o "show" com os 12 apóstolos, a morte com a ampulheta e para finalizar o cacarejo do galo.


Avenida Parizska: considerada a artéria luxuosa de Praga. Lá você irá encontrar lojas mais chiques e de alta grife. Nem me atrevi a entrar nas lojas, mas é interessante visitar essa avenida.

Lugares que eu não fui (por falta de tempo), mas se quiser conferir:

Museum of Communism: eu, particularmente, estava "louca" para visitar esse museu e RODEI muito para conseguir achar. Ele fica dentro de um prédio que também tem um casino e fica pertinho de um McDonalds (perto da Estação Mustek). Chegando no museu eu fiquei "frustada" e acabei nem entrando.


Free Tours: você tem energia e está acompanhado de pessoas que adoram caminhar? Tem um walking tour de 3 horas com pequenos grupos que parte da Old Town (tem 2 vezes ao dia: 11h e 15h), visita Jewish Quarter, atravessa a Charles Bridge e o tour termina no Castelo de Praga. Quer saber mais? Acesse o site do Free Tour.

Ice Pub: Um lugar que não deu para eu conhecer, mas eu queria ter ido (por curiosidade). É um pub de gelo e você tem que usar roupa "especial" para "ficar" nesse pub (por conta do gelo). Você paga 200 CZK (1 cocktail incluso). Fica aberto das 12h até 21h. Entre no site e confira.


Dica finale: tem um site que achei bem interessante que tem informações sobre muitas coisas: desde bar, teatro, shops/market, esportes e atividades, restaurantes, etc.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reconhecimento de nutricionista na Irlanda

Olá pessoas, Hoje recebi a notícia que finalmente sou considerada Dietitian na Irlanda. Aqui é diferente do Brasil. No Brasil ter um diploma de Bacharel em Nutrição bastaria para você atuar em qualquer area escolhida. Aqui na Irlanda para você ser considerada uma nutricionista cliclín tem requisitos. Eu estou tentando o reconhecimento desde que cheguei em 2014. Na época o reconhecimento era feito pelo Departamento de Saúde. Eu enviei uma caixa (sim! Uma caixa de documentos em português e traduzido). Dentre os documentos se encontravam meus diplomas: bacharelado em Nutrição, Especialização em Nutrição Clínica, Mestrado e Doutorado em Alimentos e Nutrição e TODAS as ementas de cada uma das matérias feitas de todos os cursos. Haja papel! Só o formulário dava mais se 20 páginas depois de preenchido. Além disso eu tive que ser entrevistada por uma banca de dietitians. Acha que basta???? NÃO! Depois de passar por tudo isso...o processo de reconhecimento MUDA e o orgao

Creche na Irlanda - é de graça?

Olá pessoas! Não paro de me desculpar pela ausência. Mas é bem difícil administrar casa, bebê, trabalho, e blog. Depois de meu baby nascer eu comecei a me interessar e mergulhar no mundo infantil da Irlanda. E um dos assuntos que tenho pesquisado é CRECHE. Quando eu engravidei eu trabalhava full time (tempo integral) e cada dia e semana eu trabalhava em horários diferentes. Ou seja, não tinha uma rotina! Como iria fazer com bebê em casa? Meu marido também trabalha full time e em horários "loucos". Confesso que fiquei desesperada! Afinal, só o salário do meu marido não pagaria todas as contas. Então comecei a procurar as creches mais perto de casa e fui visitá-las. Não tinha ideia do preço, nem de horário de funcionamento, nem das estruturas da creche e muito menos das atividades e peculiaridades. Tem muitas creches onde eu moro, mesmo sendo uma cidade pequena. Não é de se espantar, já que o que não falta nesta Irlanda é crianças!!!! Fiquei assustada co

Como não gastar muito no enxoval do bebê na Irlanda

Olá pessoas, Acredito não ter mencionado em post anterior, mas estamos esperando nossas segunda filha. Para ser exata essa semana estamos com 32 semanas. A cesaria esta agendada para dia 26 de setembro e até lá o enxoval tem que estar pronto não? Entao, como não gastar muito e deixar tudo pronto? Aqui na Irlanda mercado de produtos usados é bem forte. Tem coisas muito boas com preço muito em conta. E onde pode-se comprar produtos usados ou mesmo conseguir doacao? Adverts.ie Donedeal.ie Marketplace no Facebook Comunidades de mães brasileiras na Irlanda no Facebook Amigas Além de produtos usados há muitas coisas boas que são doadas e nesses mesmos canais onde se compra produtos usados. Além disso, converse com as amigas que tem filhos sobre o que você precisa. Muitas podem te doar, vender ou emprestar. Deixe eu exemplificar, eu queria muito nos primeiro meses dessa segunda bebê usar o berço que meio que se acopla na cama (no caso o berço se chama Nex